Penalidades foram julgadas

Penalidades foram julgadas
E medidas
Contra a irracionalidade do viver!

Regrar o ter
É como sonhar com a Besta-Fera
Que impera
Na destruição!

Vigiarei do alto da torre teu coração
E se não sonhares comigo
Quebrar-te-ei a união!

No fogo,
Nas chamas,
Violei tua emoção!

A sensação é branca!
É negro o temor!
É corrupto o cárdio-mantenedor!

Visci eviscerada forma
De sombras deixada
Caída em turbilhões de mentes convalescidas
Que buscavam um messias capaz de apaziguar a dor!

Olhos fixos no espaço
Para um mundo sem futuro!
Mão cuidadosa na abertura do compasso.
O círculo se fecha
E tudo fica escuro…

…Nesse subconsciencioso versejar…
…Menos a dor.

Tags » «

Autor: | 635 visualizações
Data: sexta-feira, 26. novembro 2010 10:00
Trackback: Trackback-URL Categoria: Interlúdio

Feed para a postagem RSS 2.0 Comentar esta postagem

Enviar comentário

SEO Powered by Platinum SEO from Techblissonline